Você compra um carro usado aparentemente em ótimo estado, mas ao rodar com ele percebe que em algumas situações, por exemplo numa longa descida na estrada ou nos dias mais frios, o ponteiro da temperatura cai um pouco, indica a água um pouco mais fria.

Ou de manhã ao sair com o carro, o ponteiro custa a chegar na temperatura normal, às vezes nem chega.

Sabe o que pode ser isso?

O dono anterior levou o carro superaquecido, fervendo, para a oficina e o mecânico tirou a válvula termostática; alegando ser desnecessária e “evitando o custo de uma nova”.

E o problema está aí: o motor trabalhando abaixo da temperatura ideal sem a válvula termostática, aumentando o consumo e contaminando o óleo do cárter com os gases da combustão.

Válvula termostática do carro em detalhe fora de sua carcaça

O post Motor frio? Cuidado pois o carro pode ter sido vítima de uma picaretagem apareceu primeiro em AutoPapo.